Feministas podem aprender um ou dois truques com as trabalhadoras sexuais

Para muitas feministas, o trabalho sexual – ou a prostituição, como preferem chamá-lo – simboliza a opressão, a vitimização e a exploração da condição feminina. Essas feministas olham para a prestação de serviços sexuais através de um modelo construído por uma compreensão rígida do patriarcado, vendo-a como uma objetificação do…