Objeto

    A minha nudez não te parece um problema se eu não tenho: – rosto – cabeça – voz.   Eu sou aquela que não pode se revelar, condenada à invisibilidade, clandestina em seu país. Existindo às escuras, não incomodo – apenas sirvo. Objeto inanimado, mantenho entre minhas pernas…